Microsoft Brasil apóia iniciativas sociais

Como líder responsável da indústria de tecnologia da informação, a Microsoft está sempre atenta à realidade social que a cerca. Por isso, desde 1999 vem investindo fortemente em projetos sociais de grande alcance, com o objetivo de beneficiar o maior número possível de pessoas. A idéia é que esses projetos tenham efeito multiplicador, gerem benefícios imediatos e, sobretudo, tenham resultados a longo prazo. Dentro dessa filosofia, a empresa voltou seus esforços para a tecnologia aplicada à educação e inclusão digital, acreditando ser esse o caminho mais eficaz para a formação de uma nação madura.

Ser bom vizinho é parte fundamental da cultura da Microsoft. No Brasil, a empresa doa seus produtos para um grande número de entidades filantrópicas e culturais. Também apóia com recursos materiais e financeiros iniciativas sociais e educacionais, por meio dos programas Unlimited Potential e Parceiros na Aprendizagem.

Unlimited Potential: Iniciativa global para a inclusão digital, o programa Unlimited Potential (UP) foi criado pela Microsoft em 2003 para o desenvolvimento das comunidades locais onde a companhia possui subsidiárias. A empresa prevê investimentos de US$ 1 bilhão em cinco anos em todo o mundo. Os recursos são destinados a fortalecer centros de capacitação que ofereçam treinamento em tecnologia da informação para comunidades menos favorecidas. No Brasil, a Microsoft firmou parcerias com a Fundação Bradesco; o Sampa.Org, em um projeto conjunto com a ONG Cemina; a Rede Jovem, iniciativa da Comunitas de inclusão digital; e com o CDI São Paulo para a implantação e fortalecimento de Escolas de Informática e Cidadania em unidades da Febem (Fundação Estadual do Bem Estar do Menor). Também por meio do UP, o escritório da empresa na América Latina expandiu a parceria com o Comitê para Democratização da Informática (CDI), firmada no país em 1999, para outros 3 países: Argentina, México e Chile.

Política de doações

A Microsoft possui uma política de doações licenças de softwares para organizações sociais e instituições sem fins lucrativos, que atuam no campo da educação e da inclusão digital. Esta política foi elaborada com o intuito de contribuir com redução da exclusão social de indivíduos de comunidades de baixa renda, que não têm acesso às Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs).

Somente no ano fiscal de 2004, a empresa doou mais de US$ 2,5 milhões em licenças de software para 123 instituições comunitárias de todo o Brasil.
Conheça em detalhes nossa política de doações.