Clique aqui para instalar o Silverlight*
BrasilAlterar|Todos os sites da Microsoft
Windows XP
|Segurança em Casa|Microsoft em Casa|Microsoft no Trabalho

Tire fotos melhores de exteriores

Seis dicas que vão fazer a diferença

Publicado em: 20 de junho de 2005

Você já domina a técnica de “point-and-shoot” (apontar e disparar) que torna tão fácil fotografar tanto os grandes como os pequenos acontecimentos da vida – o primeiro treino de futebol, a viagem para esquiar, as férias da família.

Mas existem oportunidades de você tirar muitas fotos de cenas ao ar livre, sejam aquelas feitas em seu quintal ou as das férias da família. Agora você pode transformar essas fotos em excepcionais obras de arte fotográfica com um pouco de prática e algumas dicas de um profissional. O fotógrafo Kevin Gilbert, ganhador de vários prêmios, compartilha algumas técnicas simples que você pode usar para levar suas fotos tiradas ao ar livre até o nível avançado.

Tip

Dica: Leia o manual de sua câmera. Algo que vai ajudar você a tirar fotos melhores, não importa onde esteja fotografando, é usar as configurações embutidas em sua câmera. Quanto mais você souber sobre como usar os recursos da sua câmera, melhores serão os resultados.


Preto-e-Branco

Black and white image of Jackson Hole, Wyoming

Esta imagem foi tirada perto de Jackson Hole, no Wyoming, numa localidade em Grand Tetons, onde Ansel Adams criou uma de suas famosas fotos. A imagem original tem um belo colorido, um nascer do sol às 5h51 da manhã.

Você pode facilmente converter fotos coloridas em preto-e-branco, usando seu programa de edição de imagem favorito como o Digital Image Pro ou o Photoshop Elements. Com alguns modelos de câmera você pode ainda fazer isso antes de descarregar a imagem para o seu computador. Depois de ter feito o download, você pode usar seu programa de edição de imagens a fim de ajustar o contraste e o brilho para criar uma fotografia que seja reminiscente de um Ansel Adams.

As silhuetas ficam belíssimas em preto-e-branco, assim como os prédios antigos. O efeito adiciona um certo drama. Mas tenha o cuidado de reservar essa técnica para paisagens e prédios. Fotos dos membros da família em preto-e-branco podem não ficar tão bonitas quanto você desejaria que fossem.

Preencha o enquadramento para um efeito dramático

A foto abaixo à esquerda é agradável, mas um pouco entediante. Certamente que o céu está bonito e a praia ampla e vazia. Mas o que eu realmente queria era captar a textura da praia. Ao inclinar a câmera cerca de um terço para baixo no enquadramento, criei um efeito bem diferente (abaixo, à direita).

2 beach images: one straight, one tilted

Olhe com cuidado para a cena que você estiver enquadrando antes de clicar o botão. Experimente movimentar a câmera para cima e para baixo, de lado a lado. Incline-a para vários ângulos e veja o que ela mostra a você. Preencha o quadro com o objeto que mais lhe interessa. Se a sua câmera digital possui uma tela LCD, você pode usá-la para melhorar sua sensibilidade para a cena completa.

Tomadas em close

A maioria das pessoas que vê um grupo de flores diz: "Uau!" e tira um instantâneo do buquê inteiro. Não se contente com essa tomada previsível; dê um zoom nos detalhes. Quase todas as câmeras possuem um botão de macro ou de aumento que lhe permite chegar mais perto e criar uma foto muito mais interessante.

2 flower images: one of several purple flowers, one close-up of purple flower

Você pode fotografar uma formiga, uma moedinha, uma concha minúscula – divirta-se e seja criativo. Lembre-se apenas de preencher o quadro com as linhas e cores bonitas do objeto que você estiver fotografando.

Olhe à sua volta

Quando visitam um monumento nacional, algumas pessoas fotografam o que lhes vem em frente. Sempre lembro as pessoas de que se há beleza à sua frente, provavelmente há beleza atrás de você. Olhe em volta e você poderá encontrar algo inesperado para fotografar.

Patch of yellow flowers among purple flowers; airplane in sky with trail

Por exemplo, tirei as duas fotos acima enquanto eu andava em um lugar dentro do Yellowstone National Park. Embora tivesse ido fotografar as montanhas, desci o olhar e vi essas flores contrastantes nas rochas. Então olhei para cima e vi um avião. As linhas eram interessantes e daí, bati a foto. Enquanto conseguia minhas fotos das montanhas, também me deparava com algumas surpresas agradáveis apenas olhando à minha volta.

Mude a sua perspectiva

A maioria das pessoas fica em pé e bate suas fotos em um ângulo de 45 graus. Tente agachar-se, ficar de joelhos ou colocar-se acima do seu objeto.

Photographer in a field; close-up of flower

Se você estiver fotografando um grupo de pessoas, por exemplo, por que olhar diretamente para elas? Suba em uma cadeira e faça com que elas olhem no alto para você.

Quando captava as imagens de um campo de flores azuis (acima), fiquei de joelhos perto do solo, de modo a poder olhar diretamente para as flores. Mudar a perspectiva pode transformar uma situação comum em uma fotografia extraordinária.

Planeje uma hora do dia

Às vezes você pode transformar imagens bonitas em belíssimas fotografando em diferentes horários do dia ou em diferentes tipos de iluminação.

2 rowboat images: rowboat in daylight, rowboat at sunset

Muitas pessoas tiram fotos das coisas que elas vêem pela primeira vez – um barco num lago tranqüilo, a passarela de um parque de diversões, o oceano, uma paisagem interessante. Mas em diferentes situações de iluminação, sua imagem poderia ter muito mais efeito. Pergunte-se a si mesmo: “Como ficaria a passarela ao entardecer, quando o sol estiver se pondo?”

2 mountain images: mountains in midday, mountains in late day

As fotos acima apresentam a mesma imagem obtida em diferentes horários do dia. A da esquerda tem uma iluminação cáustica, de meio-dia, quase como a de uma tempestade. A outra, tirada no mesmo lugar mais tarde durante o dia, é tranqüila e melancólica. É uma diferença dramática que tem um efeito na história que você quer transmitir através da imagem.

Experimente

Aproveite essas seis dicas fáceis que todos os profissionais também usam e adicione-as à sua bagagem de truques. Elas não requerem complexas configurações de câmera, ou mesmo uma que seja cara. Exigem apenas que você olhe o mundo à sua volta de uma maneira um pouco diferente quando observá-lo através da lente de sua câmera.


Joli Ballew

Kevin T. Gilbert é fotojornalista veterano há 20 anos, estabelecido numa área de Washington, D.C., onde faz a cobertura de encontros governamentais, esportes profissionais, campanhas políticas nacionais e notícias de Washington e de toda a nação. Atualmente é sócio-gerente da Blue Pixel, uma das equipes líderes em consultoria de imagens digitais nos Estados Unidos, e presidente da Arkhaven Group, uma empresa de produção digital que ainda faz fotografias e imagens digitais para corporações e redes de televisão. Kevin terminou recentemente seu quinto mandato como Presidente da White House News Photographers' Association (WHNPA) e é o ganhador de mais 35 prêmios de fotografia dessa associação de 80 anos de idade. Outras associações como a National Press Photographers Association e a Society of Newspaper Design também já o consagraram por seu excelente fotojornalismo e design. Kevin passou 14 anos trabalhando no jornal The Washington Times, cinco anos inclusive como fotógrafo principal.



©2015 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados. Entre em contato |Nota Legal |Marcas comerciais |Política de Privacidade
Microsoft