Clique aqui para instalar o Silverlight*
BrasilAlterar|Todos os sites da Microsoft
Windows XP
|Segurança em Casa|Microsoft em Casa|Microsoft no Trabalho

Suporte ao USB 2.0 no Windows XP: Enfim, a Alta Velocidade

Publicado em: 5 de Agosto de 2002
**
**

Nota do Editor: Os arquivos antigos de membros da comunidade online estão arquivados para sua utilização. As informações podem se tornar desatualizadas à medida que a tecnologia muda. Para informações mais atualizadas, consulte o site da Web ou envie uma pergunta para os grupos de notícias.

Don Jones

A tecnologia USB (Universal Serial Bus – Barramento Serial Universal) permite que você conecte facilmente os periféricos, como câmeras, digitalizadores ou mouses ao seu computador. A USB é feita para funcionar com todos os tipos de dispositivos e para suportar conexões e Plug and Play. Então você pode conectar sua câmera, por exemplo, ao PC e começar a baixar imagens, enquanto configura um software ou reinicia a máquina.

O padrão original USB oferecia muitas vantagens sobre as conexões anteriores e sua popularidade aumentou. No entanto, a versão de USB que usamos hoje, a 1.1, foi feita com uma taxa máxima de transferência de dados de 12 megabits por segundo (Mbps). É velocidade suficiente para um teclado, um mouse e talvez uma unidade de CD-ROM, mas é complicado quando você está trabalhando com vídeo digital ou discos rígidos externos de alta velocidade.

Two types of USB connectors

As tecnologias de maior velocidade começaram a ganhar a popularidade da USB. A mais comum das tecnologias de transferência de vídeo digital para um PC doméstico foi o padrão IEEE - Institute of Electrical and Electronics Engineers 1394. Também conhecido como FireWire, ele supera a carga do USB 1.1 com uma taxa de transferência de dados de 400, e é por isso que a maioria das câmeras digitais de vídeo vêm com portas IEEE 1394 (FireWire), e não USB.

Mas agora existe uma nova versão de USB, a USB 2.0, com uma taxa robusta de transferência de dados de 480, tornando-a mais rápida do que a IEEE 1394 (FireWire), e adquirindo o nome de Hi-Speed USB. Os dispositivos de USB sempre operaram tanto com 12 Mbps (para dispositivos de alta velocidade) ou meros 1.5 Mbps (para dispositivos com necessidades menores de largura de banda). A USB 2.0 permite que você use mais daqueles dispositivos de uma vez e também adiciona uma nova velocidade, que pode usar uma largura de banda total de 480 Mbps que a USB 2.0 fornece para dispositivos Hi-Speed. Tais velocidades são importantes em aplicações que precisam de muita largura de banda, como dispositivos de armazenamento em massa, embora nem todos eles sejam capazes de executar em 480 Mbps. Por exemplo, o seu mouse USB 2.0 ainda é um dispositivo de baixa velocidade e, provavelmente, está sendo executado em apenas 1 Mbps, mas seu CD-RW de USB 2.0 Hi-Speed pode adquirir vantagem sobre as novas velocidades do USB 2.0 e gravar CDs muito mais rapidamente.

Compatibilidade com USB 1.1

A Microsoft e as outras empresas que criaram a USB 2.0 não deixaram os usuários da USB 1.1 a ver navios. A USB 2.0 é totalmente compatível com os dispositivos USB 1.1. Os dispositivos antigos trabalham com a nova topologia e vice-versa.

No entanto, lembre-se de que você não pode conectar um dispositivo Hi-Speed USB a um controlador de USB 1.1 e esperar que ele seja executado com mais rapidez. Seu computador será executado somente na mesma rapidez em que o link mais lento da cadeia.

Em outras palavras, todos os hubs USB 2.0 no mundo não irão ajudar o meu laptop antigo, que possui controladores USB 1.1 integrados. Terei de adicionar um controlador USB 2.0 baseado em uma placa PCMCIA ou comprar um novo laptop que tenha um controlador USB 2.0 integrado. Os dispositivos Hi-Speed USB 2.0 irão funcionar bem quando conectados em um controlador USB 1.1 mais antigo—mas serão executados em apenas 12, em vez dos 480 Mbps completos.

A compatibilidade inversa do Hi Speed USB significa que eu não posso começar a procurar novos dispositivos USB 2.0 agora, mesmo porque nem todos os meus computadores têm capacidade para o USB 2.0. Se você vem freqüentando uma loja de computadores local, provavelmente já observou os dispositivos USB 2.0. Diversos fabricantes têm placas de controlador de USB 2.0 PCI para PCs de área de trabalho por menos de US$ 50. As placas de PC para suporte USB 2.0 de laptop estão disponíveis por menos de US$ 80. E os cabos de alta qualidade compatíveis com o USB 2.0 já estão circulando há meses. O USB 2.0 não deve exigir que você compre novos cabos USB, a menos que você tenha cabos realmente baratos que não funcionam muito bem com o USB 1.1 também. Os cabos USB 2.0 certificados estão disponíveis, mas eles são geralmente apenas cabos USB 1.1 de maior qualidade.

Não posso dizer a você quanto tive de esperar enquanto meu aparelho de MP3 baixava alguns megabytes de informações em baixas velocidades do USB 1.1, e quão melhor foi utilizar uma conexão rápida do USB 2.0. Estou só esperando um aparelho de MP3 compatível com o USB 2.0 chegar ao mercado, pois, enquanto o meu USB 1.1 estará executando bem com meu hub USB 2.0, ele não poderá funcionar mais rápido.

Suporte ao Driver de Dispositivo do USB 2.0

Alguns fabricantes agora vendem novos PCs e laptops com suporte integrado a USB 2.0. Se você deseja adicionar um USB 2.0 ao seu computador, você deve comprar uma placa de controlador USB 2.0 e instalá-la. Para um computador de área de trabalho, isso envolve abrir a tampa para acessar seus slots PCI do computador. Para um laptop, você conecta a placa sempre que desejar conectar um dispositivo Hi-Speed USB. Muitos fabricantes fornecem manuais de instalação e configuração. Aqui segue um exemplo da Adaptec (em inglês).

O Catálogo do Windows (em inglês) lista muitas placas de controlador USB 2.0 compatíveis com o Windows XP.

Os drivers dos dispositivos USB 2.0, no Windows XP, tornaram-se disponíveis no Windows Update em Janeiro e também estão disponíveis pelo Microsoft Update. O Windows XP Home Edition e o Windows XP Professional são totalmente compatíveis com o USB 2.0 com os drivers corretos. Mais uma vez, consulte o Catálogo do Windows antes de comprar um novo dispositivo USB 2.0 para verificar se ele é compatível com o Windows XP.

Após ter instalado o novo controlador e os dispositivos USB 2.0, conecte-se à Internet e abra o Microsoft Update. Veja se o seu novo hardware está conectado e funcionando (pelo menos em baixa velocidade). Se o Windows XP reconhecer o hardware do seu USB 2.0, ele lhe dará a chance de baixar os novos drivers USB 2.0. Você também pode baixar manualmente o driver seguindo os passos em Suporte ao USB 2.0 no Windows XP.

Solucionando Problemas de Drivers do Dispositivo USB 2.0

O driver Microsoft USB 2.0 pode não estar listado como uma atualização disponível se drivers USB 2.0 de terceiros estiverem instalados em seu computador. Você deverá removê-los, e depois instalar o driver Microsoft USB 2.0 a partir do site do Microsoft Update.

Os drivers USB 2.0 do Windows XP que estão hoje no Microsoft Update reconhecem somente os dispositivos que usam o chipset do controlador NEC USB 2.0 EHCI. A especificação industrial para o Hi-Speed USB é chamada Enhanced Host Controller Interface (EHCI). Isso não quer dizer que você deva comprar um novo controlador NEC. O chipset NEC está presente mundialmente no USB 2.0. O chipset também é o primeiro a ser certificado pelo grupo independente de testes do USB 2.0. Embora os drivers USB 2.0 atualmente disponíveis no Microsoft Update somente suportem o controlador NEC, deve haver uma atualização em breve que suporte todos os controladores compatíveis com o EHCI.

Se você está certo de que tudo está compatível com USB 2.0 em seu computador, mas ainda está obtendo resultados de baixa velocidade, você pode não estar com os drivers apropriados. Entre os sintomas do Windows XP, podem estar as mensagens de erro, como “O Hub USB Genérico é um dispositivo HI-SPEED USB e irá funcionar em velocidade menor quando conectado a uma porta não- HI-SPEED”, ou “Um dispositivo HI-SPEED USB está conectado a um hub não HI-SPEED USB”. Você também pode ver uma placa do controlador de alta velocidade marcada com uma exclamação amarela no Gerenciador de Dispositivos. O problema é que, embora você possua um hub ou controlador Hi-Speed, o Windows XP não o reconhece. (Veja o artigo da Base de Conhecimento, Suporte à USB 2.0 no Windows XP para informações mais detalhadas).


*Visite o Microsoft Update e logo você estará executando em velocidades de USB 2.0.*

Arquitetura do Driver USB do Windows XP

O USB 1.1 original no Windows XP foi projetado com o USB 2.0 em mente, então, adicionar suporte ao USB 2.0 não fez com que a Microsoft recomeçasse todo o processo. As maravilhas da arquitetura do USB no Windows XP ocorrem no Host Controller Driver: Ele é suportado por mini-portas em que cada uma implementa um tipo específico de suporte a USB.

Para aqueles que conhecem o desenvolvimento de um driver, é interessante saber que o Windows XP incluía originalmente duas mini-portas, Usbuhci.sys e Usbohci.sys. Adicionar suporte ao USB 2.0 exige uma nova mini-porta, a Usbehci.sys. O suporte ao USB 2.0 atualiza a Usbport.sys, Usbhub.sys, e outros drivers de suporte ao USB. O Windows XP também utiliza um co-instalador específico para controlador de host, o Hccoin.dll, que fornece interação entre o controlador USB 2.0 e os controladores de host que acompanham. O Windows 2000 não teve tanta sorte: A Microsoft projetou uma pilha inteiramente nova de driver do dispositivo USB 2.0 que opera em paralelo com a pilha USB antiga.

Se você possui um computador que executa o Windows 98, pode obter os drivers USB 2.0 a partir de fornecedores de terceiros, como Adaptec, NEC e Orange Micro. Todos os fornecedores vendem controladores USB 2.0, incluindo drivers, que são compatíveis com o Windows 98.

Você pode obter mais informações sobre hardware por trás do suporte ao USB 2.0 no Windows XP no Artigo sobre USB 2.0 e o Windows (em inglês), no site de Desenvolvimento da Plataforma Windows.

Adquirindo Dispositivos USB 2.0

Sempre que você procurar um novo dispositivo Hi-Speed USB, veja se contém o logo oficial do Hi-Speed USB, que pode ser visto no site do USB (em inglês). (Mais detalhes sobre USB 2.0 e outras novidades podem ser encontradas aqui). Os dispositivos que não exibem este logo não são certificados como compatíveis com a especificação USB 2.0 e podem não funcionar corretamente ou causar problemas aos seus outros dispositivos USB. Claro que você deve ficar atento para o logo “Designed for Windows XP” para garantir que o dispositivo será compatível com o Windows XP.

Desenvolvimentos Futuros no USB 2.0

A especificação do USB 2.0 também descreve um conector “mini-USB-B”, que é uma porta em miniatura do conector. Esta pequena porta tornará o USB de alta velocidade mais aceitável para os fabricantes de eletrônicos, como aparelhos de MP3, câmeras digitais e outros dispositivos portáteis sem a necessidade de muitas conexões. Hoje em dia, os fabricantes de dispositivos menores contam com os cabos dos proprietários, portanto, o conector do mini-USB-B deve trazer alguma padronização ao mercado.

USB 2.0: Você deve se Preocupar com Isso?

O USB 2.0 torna os discos rígidos de USB ligados ao seu computador muito mais vantajosos. Eu tenho um disco rígido compatível com USB 1.1 e não há problemas em esperar o vai-e-vem de dados de lá. Portanto, adquirir um disco rígido USB 2.0 está na minha lista de prioridades.

Outros dispositivos USB 2.0 disponíveis agora incluem câmeras, scanners, hubs, adaptadores IDE, que permitem a você conectar um disco rígido regular ao USB, e muito mais. Espere para ver as impressoras e as câmeras chegando ao mercado nos próximos meses.

O resultado? O USB original ajudou muito na realização da promessa da conexão e Plug and Play dos dispositivos periféricos. O USB 2.0 expande-se ainda na promessa de oferecer transferência de dados de alta velocidade. O Windows XP chegou com o suporte a USB 2.0 para ajudar a fazer com que tudo isso seja possível.

O Colunista do Expert Zone Don Jones é escritor, palestrante e parceiro fundador do BrainCore.Net (em inglês). Ele é autor de uma coleção de grande crescimento em livros de computadores, incluindo o Windows Server 2003 Weekend Crash Course (em inglês). Don vive, em tempo integral, em um RV de 40 pés, totalmente computadorizado e viaja pelos Estados Unidos, ficando ainda mais feliz quando encontra uma nova tecnologia para brincar. Seu jogo de computador favorito é o Pinball Arcade (em inglês). Você pode entrar em contato com ele em don.jones@braincore.net .



©2014 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados. Entre em contato |Nota Legal |Marcas comerciais |Política de Privacidade
Microsoft