Clique aqui para instalar o Silverlight*
BrasilAlterar|Todos os sites da Microsoft
Windows XP
|Segurança em Casa|Microsoft em Casa|Microsoft no Trabalho

Segredos sobre a Gravação de CD no Windows XP

Publicado em: 16 de setembro de 2003
**
**

Nota do Editor: Os arquivos antigos de membros da comunidade on-line estão arquivados para sua utilização. As informações podem se tornar desatualizadas à medida que a tecnologia muda. Para informações mais atualizadas, consulte o site da Web ou envie uma pergunta para os grupos de notícias.

Ed Bott

Quer ver a evolução em prática? Pense em um disquete, que agora está na lista dos espécimes mais estranhos, vítima de um CD gravável, maior, mais forte e muito mais útil. Um simples CD virgem suporta 650 MB ou mais (equivalente a mais de 400 disquetes), e você pode usar o formato de CD para armazenar dados e músicas para reproduzir em todos os tipos de dispositivos. Agora que o Windows XP inclui suporte integrado para gravação de CD, uma unidade de CD-R ou CD-RW é parte essencial de qualquer PC, e o disquete já é ultrapassado.

Nesta coluna, compartilho uma das minhas dicas favoritas, truques e segredos para obter o máximo do seu gravador de CD, incluindo algumas dicas não intuitivas de solução de problemas e uma lista de verificação para ajudá-lo a decidir quando é hora de mudar para um programa de gravação de CD de terceiros.

Creio que você esteja familiarizado com os conceitos básicos da gravação de CD no Windows XP. Caso precise de um curso de atualização sobre como gravar dados em CDs, leia o artigo de Galan Bridgman, Gravação de CD Torna-se Rotina e Foco: Gravação de CD e Windows XP (em inglês). Para instruções sobre como criar CDs personalizados de áudio a partir do seu Windows Media Player, consulte Copie, Grave e Transfira Música e Vídeo (em inglês).

Conserte um Gravador Não Compatível

Se você possui um gravador de CD compatível, não precisa fazer nada especial para tê-lo funcionando em seu Windows XP Home Edition ou Professional. O código principal que torna possível a gravação do seu CD é automaticamente ativado quando você configura o Windows XP. Se você não consegue gravar um CD, comece o processo de solução de problemas, verificando se o recurso está adequadamente configurado:

1.

Abra Meu Computador, clique com o botão direito no ícone da unidade de CD e clique em Propriedades.

2.

Clique na guia Gravação para exibir as configurações mostradas na Figura 1.

Figure 1

Figura 1

Caso você não veja a guia Gravação, então o Windows XP não reconhece os recursos de gravação do seu gravador de CD. Consulte a Lista de Compatibilidade de Hardware do Windows (em inglês) para verificar se sua unidade encontra-se na lista. Caso a unidade esteja listada e você consiga reproduzir CDs, mas a guia Gravação não esteja visível, você deve editar manualmente o Registro usando as instruções do artigo da Base de Conhecimento, Unidade de CD-R ou CD-RW não é Reconhecida como Dispositivo de Gravação.

Certifique-se de que a caixa Ativar gravação de CD nesta unidade está selecionada. Essa definição ativa os recursos integrados de CD incluídos no Windows XP. A única forma de desativar este recurso é se você preferir sempre usar um programa de terceiros e desejar evitar qualquer conflito entre o programa e o Windows XP.

Experimente uma velocidade mais baixa. Em vez de escolher a definição O mais rápido, tente a velocidade de 18X ou até de 8X. Sua unidade pode funcionar melhor com menos demanda.

E, é claro, não menospreze o óbvio. Você possui um CD virgem na unidade e ela está conectada adequadamente?

Se a unidade está adequadamente conectada, mas você se depara com quebra-cabeças em vez de CDs legíveis, veja se instalou o Windows XP Service Pack 1. Os problemas no lançamento original do Windows XP incluíam certas unidades de CD-R; e essas questões foram consertadas no SP1. Para mais informações, consulte o artigo da Base de Conhecimento, CD Gravado no Windows XP está Perdendo Arquivos ou Pastas ou é Ilegível.

Maior Desempenho

Selecione a unidade em que deseja que o Windows XP armazene suas imagens de arquivos que estão prontas para serem gravadas em CD. Se você possui múltiplas unidades, selecione aquela que possui o maior espaço livre em disco. Na caixa de diálogo Propriedades da unidade de CD, escolha uma letra de unidade disponível. Se você possui somente uma unidade, escolha a C, que é sua única opção. Mas, em um computador com múltiplas unidades, você pode aumentar muito a velocidade, escolhendo uma unidade que não seja a do seu sistema.

Não ignore a quantidade de espaço em disco que irá precisar. Ao arrastar arquivos para a pasta do CD, você, na verdade, os copia para uma pasta temporária em seu perfil local. Depois, ao começar o verdadeiro processo de gravação, o Windows cria um arquivo de imagem separado. Se você já selecionou arquivos suficientes para preencher um CD até sua capacidade total, precisará de 1 GB a mais de espaço extra em disco.

Desfragmentar o disco em que a imagem está armazenada pode causar um grande impacto no desempenho também. O processo de gravação pode encontrar obstáculos caso o seu arquivo de imagem esteja fragmentado através de um disco quase preenchido. Desfragmentar regularmente diminui a probabilidade de você encontrar problemas. Para mais informações, consulte Proteja seu PC e Como Analisar e Desfragmentar um Disco no Windows XP.

Grave CDs de Áudio Corretamente

Quando você usa o Windows Media Player para criar CDs que contenham suas faixas de áudio favoritas, as configurações padrões automaticamente adicionam um intervalo de 2 segundos entre as faixas. Isso é bom se você está fazendo uma mistura de diversos sons, mas o efeito é um pouco incômodo quando você está gravando faixas ao vivo ou movimentos de uma peça clássica, em que o fluxo deve ser contínuo.

A maioria dos programas de gravação de CD inclui a capacidade de eliminar esses intervalos, mas, se você utiliza o Windows Media Player 9 Series, existe uma solução melhor: Baixe o Plug-in de Gravação Rápida de CD do Nero (em inglês) gratuitamente. Após instalar este complemento gratuito:

Selecione um grupo de ajustes no Windows Media Player, clique em Copiar para o CD ou Dispositivo, escolha o Plug-in de Gravação Rápida do Nero e clique em Copiar.

O plug-in (mostrado na Figura 2) permite que você escolha a maior velocidade na qual sua unidade pode trabalhar, e a opção Sem pausas entre as faixas diminui o intervalo de 2 segundos.

Figure 2

Figura 2

Como bônus, o plug-in do Nero grava CDs de áudio nitidamente mais rápido do que o Windows Media Player — com o plug-in instalado gravei um CD em pouco mais do que 3 minutos, muito rapidamente se comparado aos quase 14 minutos sem ele.

Saiba Quando Atualizar

Usar os recursos integrados de gravação de CD do Windows XP é conveniente, mas essa solução sem obstáculos não é suficiente para alguns trabalhos exigidos. Se você responder sim a alguma das perguntas que seguem, deve começar a procurar um programa de gravação de CD de maior capacidade:

Você deseja criar duplicatas exatas dos dados ou CDs de música? O Windows Media Player força você a copiar o conteúdo do CD para seu disco rígido primeiro.

Você precisa criar arquivos de imagem ISO? Como o próprio nome sugere, esses arquivos são cópias perfeitas de um CD, que você pode armazenar no disco rígido e usar para fazer cópias adicionais de CD no futuro. O Windows XP não pode criar ou copiar imagens ISO, embora o não autorizado ISO Recorder Power Toy (em inglês) possa adicionar essa capacidade ao Windows XP.

Você planeja criar CDs que possam ser incializados? Você precisa usar formatos de disco que não sejam formatos padrões ou de áudio, como um CD extra ou um Super Video CD? Você precisará usar um programa como o Easy CD Creator (em inglês), da Roxio, ou Ahead Software da Nero (em inglês) para controlar esses fatores.

Você deseja usar sua unidade de CD-R ou CD-RW como dispositivo de backup, com a opção de comprimir arquivos e estender backups através de múltiplos CDs? A versão mais recente do Nero 6.0 (em inglês) inclui um utilitário de backup de serviços, ou você pode investir em um utilitário dedicado.

Você deseja gravar em discos de DVD virgens usando uma unidade gravável de DVD? O Windows XP pode ler e reproduzir DVDs, mas não pode gravá-los.

Ah, e mais uma coisa — alguém sabe me dizer o que fazer com uma centena de disquetes?

Ed Bott, colunista do Expert Zone, é um jornalista premiado da área de computação, que trabalha com o Microsoft Windows há mais de 15 anos. Entre seus últimos livros (em inglês) da Microsoft Press, estão Faster Smarter Microsoft Windows XP e Microsoft Windows XP Inside Out (com Carl Siechert and Craig Stinson).



©2017 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados. Entre em contato |Nota Legal |Marcas comerciais |Política de Privacidade
Microsoft