BEM-VINDO À ÁREA DE IMPRENSA DA MICROSOFT PORTUGAL. AQUI VAI PODER ACTUALIZAR-SE DIARIAMENTE.
Portugal  |  All Microsoft Sites

Home Microsoft.pt  |  Microsoft Press Internacional  |  Microsoft Press Europa


30 de Março de 2010



PESQUISA

COMUNICADOS

|<   <   >   >|
Microsoft e CITEVE lançam novo Programa de Combate ao Desemprego
“Desafio Emprego XXI” pretende alargar competências tecnológicas e de empreendedorismo à população desempregada da indústria têxtil nacional. Programa de combate ao desemprego” Tecnologia, Inovação e Iniciativa” formou mais de 3700 pessoas, 47% das quais já reingressou no mercado de trabalho.


A Microsoft Portugal e o CITEVE – Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal - apresentam hoje o novo Programa de Empregabilidade “Desafio Emprego XXI” com o objectivo de desenvolver competências tecnológicas e de empreendedorismo à população desempregada da indústria têxtil nacional.

O programa “Desafio Emprego XXI” resulta da evolução do Programa TII – Tecnologia, Inovação e Iniciativa – lançado pela Microsoft e CITEVE em 2006 e que visa combater a literacia digital junto dos desempregados do sector têxtil, promovendo competências básicas de tecnologia e de empregabilidade, de forma a contribuir para a adaptação e reinserção destes profissionais no mercado de trabalho.

Após quatro anos de trabalho conjunto, a Microsoft e o CITEVE alargam a parceria com o mesmo objectivo do projecto inicial - a reinserção profissional da população desempregada portuguesa da indústria Têxtil e dos sectores tradicionais. Este novo Programa “Desafio Emprego XXI” representa para a Microsoft um investimento inicial de mais de 140 mil euros, o que equivale a um total de 250 novas acções de formação e prevê formar mais 3700 pessoas até meados de 2011.

Os novos cursos incluem competências nas áreas das Tecnologias de Informação, Inglês, Matemática, Português e de Contabilidade e Fiscalidade, para os formandos que procuram criar o seu próprio projecto empresarial. Na nova vertente de empreendedorismo, os cursos vão promover competências na área da Organização e Gestão do Negócio, assim como vão permitir que os formandos conheçam os diferentes Programas de Apoio à Criação do Próprio Emprego.

A Microsoft e o CITEVE pretendem desta forma imprimir um âmbito nacional ao projecto já existente e dar resposta às necessidades de aumento da qualificação da população activa portuguesa (empregados e desempregados), bem como, no domínio do empreendedorismo, contribuir para o desenvolvimento de projectos empresariais próprios destes profissionais.

Este anúncio teve lugar durante um evento organizado pela Microsoft Portugal e o CITEVE, que contou com a presença do Director Geral para o Emprego da Comissão Europeia, Robert Strauss, e da Ministra do Trabalho e Solidariedade Social, Helena André, e serviu igualmente para apresentar um balanço detalhado da taxa de empregabilidade do Programa TII.


Estudo sobre Empregabilidade do Programa TII

Um estudo recente promovido pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto sobre a Empregabilidade do Programa de Combate ao Desemprego da Microsoft e CITEVE, revela que 47% dos formandos inseridos no Programa TII já reingressaram no mercado de trabalho.

De acordo com o inquérito realizado junto dos formandos do Programa TII, a maioria dos inquiridos revelou que conseguiu encontrar emprego em menos de seis meses (66%) e 43% consideram que o seu emprego actual é melhor do que tinham antes de terem iniciado a formação.

A maioria dos inquiridos (64%) considerou ainda que a formação TII foi bastante útil para as funções que desempenham actualmente e cerca de 90% dos formandos revelou achar muito úteis os temas da formação.

Quanto à utilização da tecnologia após a formação do Programa TII, 34% dos inquiridos passou a usar o computador todos os dias, 37% ocasionalmente, 16% uma vez por semana e 13% nunca.

O estudo foi realizado junto de uma amostra de 482 ex-formandos do Programa TII, entre Maio e Outubro 2008, nos Concelhos de Famalicão e Guimarães e com idades compreendidas entre os 35 aos 54 anos (63% mulheres e 37% homens).


A qualificação como motor de criação de emprego em Portugal

Para Claudia Goya, Directora Geral da Microsoft Portugal, “nos últimos quatro anos anos, a parceria que desenvolvemos com o CITEVE tem tido excelentes resultados, comprovados pelos indicadores de reinserção de pessoas no mercado de trabalho e pelo elevado número de acções de formação desenvolvidas. O Programa Emprego XXI visa responder a uma das principais prioridades do país a criação de emprego. Com este novo investimento e através do incentivo a novos projectos empresariais, esperamos combater o desemprego e contribuir para o desenvolvimento económico do país”.

“A parceria que hoje anunciamos com a Microsoft constitui um contributo decisivo para uma das nossas principais prioridades – a qualificação e reinserção profissional da população activa portuguesa, nomeadamente do sector Têxtil e do Vestuário. A taxa de empregabilidade alcançada nos últimos anos no Programa TII é um motivo de enorme satisfação e que pode ser considerado um excelente exemplo de como as organizações também podem estar ao serviço dos cidadãos”, explicou Braz Costa, Director Geral do CITEVE.


Sobre o Programa Tecnologia, Inovação e Iniciativa

Nos últimos quatro anos, o Programa de combate ao desemprego desenvolvido pela Microsoft em parceria com o CITEVE, já formou mais de 3700 pessoas em cerca de 700 de acções de formação realizadas em oito centros de formação (Coimbra, Covilhã, Guimarães, Marinha Grande, Porto, Santa Maria da Feira, Santo Tirso e Vila Nova de Famalicão).

Em 2008, o Programa TII foi alargado a novos Centros Tecnológicos associados da RECET (Rede de Centros Tecnológicos de Portugal) nas áreas da Cortiça, Vidro e Cerâmica, e Metalurgia e Metalomecânica.

Ao final de quatro anos, foram já formadas cerca de 3700 pessoas, 47% das quais já ingressou no mercado de trabalho, o que representou, desde 2006, um investimento superior a 500 mil euros e mais de 170 mil dólares em software.

O Programa TII, lançado em Janeiro de 2006, é um projecto pioneiro a nível europeu que representou o primeiro passo da Microsoft no sentido de apoiar o combate ao desemprego, através da implementação de um plano de formação em TIC, em parceria com o CITEVE.

Esta iniciativa tem como principal objectivo dotar desempregados do sector têxtil de competências básicas ao nível das TIC, através de um curriculum de formação adaptado às suas especificidades, complementado por sessões específicas de motivação para a formação/ emprego, assim como, pela divulgação de mecanismos de inserção profissional.

Portugal foi escolhido pela Microsoft Europa como um dos países piloto para o desenvolvimento desta iniciativa, que visa combater o desemprego e combater a info-exclusão através de iniciativas de desenvolvimento de competências nas TIC. Actualmente, a Microsoft dispõe de outros dois projectos em Portugal, o Programa Escolhas que visa permitir aos Centros de Inclusão Digital do Programa em todo o país, a utilização do curriculum Literacia Digital, através do qual se pretende promover a inclusão de populações mais vulneráveis, e a iniciativa Cais Digital, que pretende melhorar as condições de vida e a sua potencial empregabilidade e contacto com familiares, a grupos desfavorecidas nos seus dois centros em Lisboa e no Porto.

Recentemente, o projecto foi premiado no âmbito da iniciativa europeia “e-Skills Week”, vencendo na categoria “e-Skills Prize Employability and Vocational Training” (Empregabilidade e Formação Profissional). A distinção foi recebida durante o Go Digital, evento que encerrou em Março, em Bruxelas, a “e-Skills Week”, promovida pela DG Empresas e Indústria, da Comissão Europeia e co-organizado pela European Schoolnet, 31 Ministérios da Educação e a DigitalEurope (associação que reúne mais de 60 empresas e PME no sector das TIC). O grande objectivo da iniciativa é destacar a diversidade de empregos e carreiras oferecidas no domínio das TIC em toda a Europa.


Informação disponível na Sala de Imprensa Virtual
Emprego XXI


Acerca do CITEVE
Instituição de referência nacional e europeia para a promoção da Inovação e Desenvolvimento Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário, o CITEVE – Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal é uma entidade privada, de utilidade pública e sem fins lucrativos.
Em actividade há duas décadas, tem como missão o apoio ao desenvolvimento das capacidades técnicas e tecnológicas das indústrias têxtil e do vestuário (ITV), através do fomento e da difusão da inovação, da promoção da melhoria da qualidade e do suporte instrumental à definição de políticas industriais para o sector.
Com instalações em Vila Nova de Famalicão e na Covilhã, e representações no Brasil, Tunísia, Canadá, Índia e Chile, o CITEVE promove serviços tecnológicos de excelência em várias áreas de intervenção: Testes e Ensaios laboratoriais, Engenharia de Produto e Processo, Certificação e Normalização de Produtos, I&D+I, Inteligência Moda, e Formação e Qualificação.
O CITEVE desempenha ainda um papel importante na definição, difusão e apoio na implementação de políticas públicas orientadas ao sector, através de uma cooperação e colaboração estreita quer com as diferentes associações empresariais da ITV, quer com os mais variados organismos públicos. Dentro da mesma lógica, o CITEVE colabora regularmente com diversos serviços da Comissão Europeia, nomeadamente com a DG Enterprise & Industry e a DG Research.

Acerca da Microsoft
Fundada em 1975, a Microsoft Corporation (Nasdaq “MSFT”) é líder mundial em software, serviços e soluções para ajudar as pessoas e as empresas a alcançarem todo o seu potencial.




SHARE












© 2013 Microsoft Actualize o seu perfil
Contacte-nos | Avisos Legais | Marcas Registadas | Privacidade e Cookies