BEM-VINDO À ÁREA DE IMPRENSA DA MICROSOFT PORTUGAL. AQUI VAI PODER ACTUALIZAR-SE DIARIAMENTE.
Portugal  |  All Microsoft Sites

Home Microsoft.pt  |  Microsoft Press Internacional  |  Microsoft Press Europa




|<   <   >   >|


Huawei apresenta o primeiro Smartphone Windows Phone 8

A Huawei, líder mundial em soluções de tecnologias de informação e comunicação (TIC), acaba de lançar o seu primeiro smartphone com Windows Phone 8, o Huawei Ascend W1. Este novo equipamento é uma alternativa inteligente e elegante para os consumidores que procuram um smartphone com a última tecnologia a um preço acessível.
O Huawei Ascend W1 tem um baixo nível de reflexão do ecrã o que lhe permite ter visibilidade em qualquer condição de iluminação. Para além disso, o Windows 8 permite a personalização do ecrã principal para os ícones com mais interesse. A escolha de Mosaicos dinâmicos (Live Tiles) em três tamanhos e 20 cores luminosas permite personalizar totalmente o ecrã Iniciar. Por outro lado, o Windows Phone 8 oferece uma gama de novas funcionalidades para tornar a experiência de utilização do smartphone ainda mais pessoal, incluindo aplicações Dinâmicas (Live Apps), que apresentam a informação diretamente no ecrã Iniciar, em tempo real, mesmo com o ecrã bloqueado.
O HUAWEI Ascend W1 está a ser comercializado pela TMN por 179€ e estará igualmente disponível, nas principais cadeias de retalho nacionais, livre de operador, por 239€.

Microsoft anuncia fim do suporte ao Windows XP em 2014

A Microsoft Portugal anuncia o início das atividades conducentes ao fim do suporte ao Windows XP e Office 2003 no nosso país. O dia 8 de abril de 2014 marca o fim de 10 anos de suporte a uma das mais adotadas versões de sempre do Windows e o período a partir do qual as organizações em Portugal e no resto do mundo deixarão de receber atualizações para Windows XP e Office 2003.

A última década concentrou o maior conjunto de inovações que a Microsoft disponibilizou no mercado, nomeadamente 4 gerações de Windows: Windows Vista, Windows 7 e Windows 8. A par dos crescentes e novos desafios impostos ao tecido empresarial português, verificou-se também uma profunda alteração do paradigma tecnológico, que apresenta novas soluções de comunicação, colaboração, conectividade, acessibilidade e flexibilidade, e uma evolução do cenário de segurança, com o surgimento de novas ameaças. O fim do suporte ao Windows XP e Office 2003 representa, desta forma, uma oportunidade para as PMEs nacionais modernizarem os seus sistemas, integrando as mais modernas ferramentas de produtividade e evitando a sua exposição a situações de vulnerabilidade, riscos de segurança, conformidade e limitações tecnológicas que podem comprometer a produtividade e crescimento do negócio.

A par do fim do suporte do Windows XP, a Microsoft Portugal dá, ainda, a conhecer uma campanha dirigida especificamente aos parceiros, que pretende auxiliar as PMEs no processo de transição, nomeadamente através da disponibilização de uma solução on premisse que permite às organizações modernizarem as suas infraestruturas tecnológicas e integrarem as soluções tecnológicas de futuro e de crescimento, como sendo a cloud.

Microsoft anuncia disponibilidade mundial dos Serviços de Infraestrutura do Windows Azure na cloud

A Microsoft Corp anuncia a disponibilidade mundial de Serviços de Infraestrutura na sua plataforma Windows Azure. A partir de hoje, as empresas podem alojar os seus servidores com as suas aplicações na cloud, beneficiando de um ambiente computacional seguro e de um leque de serviços de TI com elevados padrões de desempenho, disponibilidade e flexibilidade, que se traduzem em importantes ganhos de eficiência e rentabilidade.

Tudo isto acontece sem necessidade de alteração das aplicações ou mudanças de experiência para o utilizador final.

Adicionalmente a este importante anúncio, a Microsoft dá também a conhecer o seu compromisso contínuo de apresentar uma relação preço/qualidade competitiva com todas as restantes ofertas de mercado incluindo a Amazon, nomeadamente nos preços relacionados com computação, armazenamento e largura de banda. Desta forma, a Microsoft assegura que os seus clientes não são obrigados a abdicar de desempenho para obter um bom preço.

Neste âmbito, a Microsoft destaca-se como o único fornecedor de modelo cloud computing com a capacidade de assegurar serviços desde a infraestrutura (IaaS - alojamento dos servidores virtuais dos clientes) à plataforma aplicacional (PaaS – alojamento de aplicações), sem colocar em causa a integração e ligação com os servidores e aplicações que existem nos datacenters privados, criando assim uma oferta que permite soluções híbridas. Estende-se assim o datacenter privado com o melhor que a tecnologia cloud tem para oferecer sem perder o controlo ou a integração com aquilo que já existe. A adoção de cloud não tem que ser uma disrupção mas uma oportunidade para adicionar mais flexibilidade às TI.

Esta capacidade de extensão do datacenter privado permite alojar servidores virtuais existentes nos datacenters dos clientes e movimentá-los para a cloud mantendo as soluções a funcionar sem impacto para o negócio e para os utilizadores. O serviço de alojamento é pago em função daquilo que é efetivamente consumido, eliminando desperdícios e evitando custos de investimento e manutenção em hardware, energia elétrica e outras despesas habituais dos datacenters.


© 2013 Microsoft Actualize o seu perfil
Contacte-nos | Avisos Legais | Marcas Registadas | Privacidade e Cookies