A Microsoft adotou no país o Plano Nacional de Competitividade que realiza ações para melhorar a qualidade da Educação, proporcionar Capacitação, promover a Inovação, incentivar o uso de Nuvem para Pequenas e Médias Empresas e contribuir para Cidades Sustentáveis.

O esforço da Microsoft para alavancar a competitividade no país, não é recente, foi iniciado há 25 anos, quando a empresa se instalou aqui. Hoje, o Brasil é a sétima economia mundial e ocupa a 57% posição no ranking que reúne 144 países do Relatório de Competitividade Global 2014/15, publicado pelo Fórum Econômico Mundial.

Apesar de estar acima de mais da metade das nações avaliadas no Relatório, ainda há muito para ser feito no país. E consciente de seu papel na construção de um lugar no qual pessoas, empresas e parceiros consigam atingir seu potencial pleno, a Microsoft fortalece a cada ano o seu Plano Nacional de Competitividade.

Nele estão definidos os programas e os projetos que utilizam a tecnologia como ferramenta para gerar impacto real na vida dos brasileiros. O plano está estruturado em quatro pilares: Educação e Capacitação, Inovação, Nuvem para Pequenas e Médias Empresas e Cidades Sustentáveis. Bases estas, direcionadas para todas as fases da vida das pessoas e das organizações.

A começar pelo pilar Educação. Com ele, projetos e ações priorizam o acesso à tecnologia para gerar aprendizado de qualidade, treinar professores, incentivar a inovação no ambiente da escola e da sala de aula, capacitar jovens e adolescentes para o mercado de trabalho e estimular o empreendedorismo. A Microsoft acredita que os jovens, apoiados por educação e capacitação de qualidade, estarão preparados para criar novas alternativas, reinventar as soluções e inovar.

Em Inovação são incentivadas ideias inéditas e que tragam soluções para problemas reais dos brasileiros. A Microsoft apoia a pesquisa e o desenvolvimento de soluções criativas para o uso da tecnologia nas mais diversas áreas da sociedade. E faz isso investindo em polos de tecnologia no Brasil e com parcerias com instituições de pesquisa e com entidades acadêmicas. As startups recebem incentivo por meio de vários programas direcionados para alavancar seu desenvolvimento.

Com o pilar Nuvem para Pequenas e Médias Empresas, expertise e tecnologia de ponta da Microsoft são direcionadas para aperfeiçoar os processos produtivos e gerenciais das organizações. Uma vez melhor estruturadas e otimizadas, as empresas têm mais recursos e tempo para consolidar o crescimento e conquistar mercados no Brasil e até no exterior.

O pilar seguinte contribui para a construção de Cidades Sustentáveis. A Microsoft oferece soluções que ajudam a reduzir custos, ampliar a transparência e proporcionar maior eficiência aos processos público-administrativos. Assim, é possível melhorar a qualidade de vida nos grandes centros urbanos. Com esses quatro pilares do seu Plano de Competitividade, a Microsoft contribui para a construção de um Brasil melhor para pessoas, empresas e organizações.