Para evitar potenciais interferências, os fabricantes de dispositivos clínicos implantados recomendam uma distância mínima de 15,3 centímetros (6 polegadas) entre um dispositivo móvel e o dispositivo clínico. As pessoas que têm um dispositivo destes devem:

  • Manter sempre o dispositivo móvel a mais de 15,3 centímetros (6 polegadas) do dispositivo clínico.

  • Não transportar o dispositivo móvel num bolso junto ao peito.

  • Utilizar o ouvido oposto ao lado do dispositivo clínico.

  • Desligue o dispositivo móvel se tiver motivos para suspeitar que está a ocorrer uma interferência.

  • Seguir as instruções do fabricante do dispositivo clínico implantado.

Se tiver quaisquer dúvidas sobre a utilização do dispositivo móvel com um dispositivo clínico implantado, consulte o seu profissional de cuidados de saúde.