Aumente sua confiança no dia do exame com um Exam Replay ou um Exam Replay with Practice Test.

Exame
70-457

SQL Server

  • Publicado:
    11 de junho de 2012
  • Idiomas:
    Inglês, japonês
  • Públicos:
    Profissionais de TI
  • Tecnologia:
    Microsoft SQL Server 2012
  • Crédito para certificação:
    MCP, MCSA, MCSE

Transition Your MCTS on SQL Server 2008 to MCSA: SQL Server 2012, Parte 1

Esse exame foi desativado

Para obter as opções atualmente disponíveis, consulte a Lista de exames de Certificação Microsoft.

Habilidades medidas

Este exame mede sua habilidade em executar as tarefas técnicas listadas abaixo. As porcentagens indicam o peso relativo de cada área de tópico principal no exame. Quanto mais alta a porcentagem, mais perguntas você verá nessa área de conteúdo no exame. Ver tutoriais em vídeo sobre a variedade de tipos de pergunta dos exames da Microsoft.

Observe que as perguntas podem testar, mas não estarão limitadas a, os tópicos descritos no texto com marcadores.

Deseja enviar comentários sobre a relevância das habilidades medidas neste exame? Envie seus comentários para a Microsoft. Todos os comentários serão revisados e incorporados conforme apropriado, mantendo a validade e confiabilidade do processo de certificação. Observe que a Microsoft não responderá diretamente aos comentários. Agradecemos seus comentários para garantir a qualidade do Programa de Certificação Microsoft.

Se tiver dúvidas sobre perguntas específicas deste exame, envie um desafio de exame.

Se você tiver outras perguntas ou comentários sobre os exames de certificação da Microsoft ou sobre o programa de certificação, o registo ou as promoções, entre em contato com o Centro de Atendimento Local.

Criar objetos de banco de dados
  • Criar e alterar tabelas usando a sintaxe T-SQL (instruções simples)
    • Criar tabelas sem usar as ferramentas internas; ALTER; DROP; ALTER COLUMN; CREATE
  • Modos de exibição de design
    • Assegure a manutenção do código mantendo a assinatura consistente para procedimento, modos de exibição e função (interfaces); implicações de segurança
  • Criar e alterar gatilhos DML
    • Tabelas inseridas e excluídas; gatilhos aninhados; tipos de gatilhos; funções de atualização; manipular várias linhas em uma sessão; implicações de desempenho de gatilhos

Recursos de preparação

Trabalhar com dados
  • Consultar dados usando as instruções SELECT
    • Usar a função de classificação para selecionar as principais(X) linhas de várias categorias em uma única consulta; escrever e executar consultas com eficiência usando os novos itens de código como sinônimos e junções (except, intersect); implementar lógica que usa SQL dinâmico e metadados do sistema; escrever consultas SQL eficientes, tecnicamente complexas, inclusive todos os tipos de junções em comparação ao uso de tabelas derivadas; determinar qual código pode ou não ser executado com base nas tabelas fornecidas; dada uma tabela com restrições, determinar qual conjunto de instruções carregaria uma tabela; usar e entender diferentes tecnologias de acesso a dados; CASE versus ÉNULO versus UNIÃO
  • Implementar subconsultas
    • Identificar elementos problemáticos nos planos de consulta; transformar linhas em colunas e transformar colunas em linhas; aplicar operador; instrução cte; com instrução
  • Implementar tipos de dados
    • Usar dados apropriados; entender os usos e as limitações de cada tipo de dados; o impacto do GUID (newid, newsequentialid) sobre o desempenho do banco de dados, quando usar quais tipos de dados nas colunas

Recursos de preparação

Modificar dados
  • Criar e alterar procedimentos armazenados (instruções simples)
    • Escrever um procedimento armazenado cumprindo um determinado grupo de requisitos; lógica de ramificação; criar procedimentos armazenados e outros objetos programáticos; técnicas para desenvolver procedimentos armazenados; diferentes tipos de resultados de procedimentos armazenados; criar um procedimento armazenado para a camada de acesso a dados; programar procedimentos armazenados, gatilhos e funções com T-SQL
  • Modificar dados usando as instruções INSERT, UPDATE e DELETE
    • Dado um conjunto de código com padrões, restrições e gatilhos, determinar a saída de um conjunto de DDL; saber quais instruções SQL são as melhores para resolver requisitos comuns; usar a instrução de saída
  • Trabalhar com funções
    • Entender funções determinísticas e não-determinísticas; valores escalares e de tabela; aplicar funções escalares internas; criar e alterar funções definidas pelo usuário (UDFs)

Recursos de preparação

Solucionar problemas e otimizar consultas
  • Otimizar consultas
    • Entender estatísticas; ler planos de consulta; guias de planos; DMVs; dicas; ES de estatísticas; dinâmico vs. consultas parametrizadas; descrever os diferentes tipos de junções (HASH, MERGE, LOOP) e descrever os cenários em que podem ser usados
  • Gerenciar transações
    • Marcar uma transação; entender begin tran, commit e rollback; implicit vs. transações explícitas; níveis de isolamento; escopo e tipos de bloqueios; trancount
  • Avaliar o uso de operações baseadas em linha vs. operações baseadas em conjuntos
    • Quando usar cursores; impacto de UDFs escalares; combinar várias operações DML
  • Implementar tratamento de erro
    • Implementar try/catch/throw; usar lógica baseada em conjunto em vez de lógica baseada em linha; gerenciamento de transações

Recursos de preparação

Instalar e configurar SQL Server
  • Planejar instalação
    • Avaliar requisitos de instalação; projetar a instalação do SQL Server e seus componentes (inclusive drives e contas de serviço); pontos básicos para planejar dimensionamento vs. expansão horizontal; fazer o planejamento para a capacidade, incluindo se/quando reduzir, aumentar, aumentar automaticamente e monitorar o crescimento; gerenciar as tecnologias que influenciam a arquitetura SQL, (incluindo Service Broker, texto completo e expansão horizontal); projetar o armazenamento para novos bancos de dados (unidades, grupos de arquivos, particionamento); projetar infraestrutura de banco de dados; configurar um banco de dados em espera do SQL Server para fins de relatório; segurança no nível do Windows e segurança no nível de serviço; instalação em modo Principal; estabelecer um parâmetro de comparação de um servidor antes de usá-lo em um ambiente de produção (SQLIO, Testes em Instância SQL); escolher o hardware correto
  • Instalar SQL Server e serviços relacionados
    • Testar conectividade; habilitar e desabilitar recursos; instalar mecanismo de banco de dados SQL Server e SSIS (não SSRS e SSAS); configurar um disco de sistema operacional
  • Implementar uma estratégia de migração
    • Restaurar vs. desanexar/anexar; migrar segurança; migrar de uma versão anterior; migrar para novo hardware; migrar sistemas e dados de outras origens
  • Configurar componentes adicionais do SQL Server
    • Configurar Analysis Services (AS), Reporting Services (RS) e integração do SharePoint em ambiente complexo e altamente seguro; configurar indexação de texto completo; segurança do SQL Server Integration Services (SSIS); fluxo de arquivos; tabela de arquivos
  • Gerenciar o SQL Server Agent
    • Criar, manter e monitorar trabalhos; administrar trabalhos e alertas; automatizar (configuração, manutenção, monitoramento) através de vários bancos de dados e várias instâncias; enviar para "Gerenciar trabalhos do SQL Server Agent"

Recursos de preparação

Manter instâncias e bancos de dados
  • Gerenciar e configurar bancos de dados
    • Projetar vários grupos de arquivos; configuração e padronização de banco de dados: autoclose, autoshrink, modelos de recuperação; gerenciar espaço para arquivo, inclusive adicionando novos grupos de arquivos e movendo objetos de um grupo de arquivos para outro; implementar e configurar bancos de dados independentes; compactação de dados; configurar Criptografia de Dados Transparente (TDE); particionamento; gerenciar crescimento de arquivo de log; Comandos de Console de Banco de Dados (DBCC)
  • Configurar instâncias do SQL Server
    • Configurar e padronizar um banco de dados, inclusive autoclose, autoshrink, modelos de recuperação; instalar instâncias padrão e nomeadas; configurar SQL para usar apenas determinadas CPUs (por exemplo, máscaras de afinidade); configurar no nível do servidor; configurar muitos bancos de dados/instância, muitas instâncias/servidor, virtualização; configurar instâncias clusterizadas, inclusive Coordenador de Transações Distribuídas da Microsoft (MSDTC); alocação de memória; database mail; configurar mecanismo SQL Server, inclusive memória, filffactor, sp_configure e opções padrão
  • Implementar uma instância clusterizada do SQL Server
    • Instalar um cluster; gerenciar várias instâncias em um cluster; configurar cluster de sub-rede; recuperar de um nó de cluster com falha
  • Gerenciar instâncias do SQL Server
    • Instalar uma instância; gerenciar interação de instâncias; gerenciamento de patch SQL; instalar instâncias adicionais; gerenciar a utilização de recursos usando o Administrador de Recursos; logs de erro do ciclo

Recursos de preparação

Otimizar e solucionar problemas no SQL Server
  • Identificar e resolver problemas de simultaneidade
    • Examinar problemas de deadlocking usando os logs do servidor SQL com sinalizadores de rastreamento; projetar infraestrutura de banco de dados de relatórios (bancos de dados replicados); monitorar via Modos de Exibição de Gerenciamento Dinâmico (DMV) ou outro produto Microsoft; bloqueio de diagnóstico, bloqueio dinâmico e deadlocking; esperas de diagnóstico; detecção de desempenho com DMVs internas; localizar e, se preciso, eliminar processos que estão bloqueando ou solicitando todos os recursos
  • Coletar e analisar dados de solução de problemas
    • Monitorar usando Profiler, coletar dados de desempenho usando o Monitor do Sistema, coletar dados de rastreamento usando SQL Server Profiler, identificar problemas de replicação transacional; identificar e solucionar problemas de acesso a dados; reunir métricas de desempenho; identificar problemas potenciais antes que causem interrupções de serviço; identificar problemas de desempenho, usar Eventos Estendidos (XEvents) e DMVs; criar alertas para condição crítica do servidor; monitorar o acesso a dados e ao servidor criando auditoria e outros controles; identificar IO vs. memória vs. afunilamentos de CPU; usar a ferramenta Coletor de Dados
  • Auditar instâncias do SQL Server
    • Implementar uma estratégia de segurança para auditar e controlar a instância; configurar uma auditoria; configurar auditorias do servidor; controlar quem modificou um objeto; monitorar privilégios elevados e também tentativas de conexão não solicitadas; gerenciamento baseado em política

Recursos de preparação

Quem deve fazer este exame?

Esse exame se destina a candidatos que já possuem uma das certificações MCTS no SQL Server 2008 e que desejam aprimorar suas habilidades em MCSA: SQL Server 2012.

Mais informações sobre exames

Preparação para um exame

Recomendamos que você leia todo este guia de preparação para o exame e familiarize-se com os recursos deste site antes de agendar o seu exame. Consulte a Visão geral de exames de Certificação Microsoft para obter informações sobre registro, vídeos de formatos típicos de pergunta do exame e outros recursos de preparação. Para obter informações sobre políticas e pontuação do exame, consulte as políticas e perguntas frequentes sobre exames de Certificação Microsoft.

Observação

Este guia de preparação está sujeito a alterações a qualquer momento sem aviso prévio e a critério exclusivo da Microsoft. Os exames Microsoft podem incluir tecnologia de testes de adaptação e itens de simulação. A Microsoft não identifica o formato em que os exames são apresentados. Utilize este guia de preparação para se preparar para o exame, independentemente do seu formato. Para ajudá-lo a preparar-se para este exame, a Microsoft recomenda que você tenha experiência prática com o produto e use os recursos de treinamento especificados. Estes recursos de treinamento não necessariamente abrangem todos os tópicos listados na seção "Habilidades avaliadas".