Exame
70-534

Microsoft Azure logo

  • Publicado:
    quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015
  • Idiomas:
    Inglês, espanhol, chinês (simplificado), chinês (tradicional) francês, alemão, japonês, português (Brasil), russo
  • Públicos:
    Profissionais de TI
  • Tecnologia:
    Microsoft Azure
  • Crédito para certificação:
    MCP, MCSA, MCSE, MCSD

Criando soluções do Microsoft Azure

Esse exame foi desativado

Para obter as opções atualmente disponíveis, consulte a Microsoft Certification exam list.

Assista a uma seção de Preparação de Exame do Microsoft Ignite 2017

Habilidades medidas

Este exame mede sua habilidade em executar as tarefas técnicas listadas abaixo. As porcentagens indicam o peso relativo de cada área de tópico principal no exame. Quanto mais alta a porcentagem, mais perguntas você verá nessa área de conteúdo no exame. Assista a tutoriais em vídeo sobre a variedade de tipos de perguntasem exames da Microsoft.

Observe que as perguntas podem testar, mas não estarão limitadas a, os tópicos descritos no texto com marcadores.

Deseja enviar comentários sobre a relevância das habilidades medidas neste exame? Envie seus comentários para a Microsoft. Todos os comentários serão revisados e incorporados conforme apropriado, mantendo a validade e confiabilidade do processo de certificação. Observe que a Microsoft não responderá diretamente aos comentários. Agradecemos seus comentários para garantir a qualidade do Programa de Certificação Microsoft.

Se tiver dúvidas sobre perguntas específicas deste exame, envie uma contestação de exame.

Se você tiver outras perguntas ou comentários sobre os exames de certificação da Microsoft ou sobre o programa de certificação, o registro ou as promoções, entre em contato com Regional Service Center.

Desde a última atualização do exame, o Microsoft Azure teve significativas mudanças na tecnologia e nós estamos atualizando os objetivos do exame para incluí-las. A partir de 22 de novembro de 2016, este exame refletirá essas mudanças.

Nota Para garantir que conhecem as mais recentes atualizações, é recomendado que todos os indivíduos registrados neste exame revisem esta página várias vezes antes de fazer o exame agendado.

IMPORTANTE: Mudanças significativas estão em andamento para este exame e seu conteúdo. Como resultado, estamos aposentando este exame no dia 31 de dezembro de 2017 e ele será substituído por um novo exame (número de exame proposto 535) que aborda o novo (mas relacionado) objetivo de domínio. Este novo exame estará disponível no dia 30 de novembro de 2017. Depois dessa data, você não poderá mais se registrar para o exame 534.

Todas as certificações obtidas pela conclusão do exame 534 continuarão válidas mesmo após a aposentadoria do exame. Como o exame 535 será uma substituição direta, todas as certificações obtidas previamente com o exame 534 serão alcançadas fazendo o exame 535 no futuro.

Você pode visualizar o domínio do objetivo para o exame 535 em exam details page.

Projetar rede do Gerenciador de Recursos do Azure (ARM) (5–10%)
  • Projetar redes virtuais do Azure
    • Estender no local; aproveitar os serviços de rede do Azure: implementar balanceamento de carga usando o Azure Load Balancer e o Azure Traffic Manager; definir DNS, DHCP e configuração de endereçamento de IP; definir reservas de IP estático; aplicar NSGs (Grupos de Segurança de Rede) e UDRs (Rotas Definidas pelo Usuário); implantar Azure Application Gateway
  • Descrever a VPN e arquitetura e design do ExpressRoute do Azure
    • Descrever VPN P2S (ponto a site) e S2S (site a site) do Azure, aproveitar VPN e ExpressRoute na arquitetura de rede do Azure
Proteger recursos (20–25%)
  • Proteger recursos usando identidades gerenciadas
    • Descrever as diferenças entre o Active Directory no local e o AD do Active Directory do Azure (Azure AD), acessar programaticamente o AD do Azure usando o Graph API, proteger o acesso a recursos de aplicativos AD do Azure usando OAuth e OpenID Connect
  • Proteger recursos usando identidades híbridas
    • Usar declarações SAML para autenticar recursos no local, descrever sincronização do AD Connect, implementar identidades federadas que utilizam o ADFS (Serviços de Federação do Active Directory)
  • Proteger recursos usando provedores de identidade
    • Oferecer acesso a recursos usando provedores de identidade, como conta da Microsoft, Facebook, Google e Yahoo!; gerenciar identidades e o acesso usando Azure AD B2C; implementar Azure AD B2B
  • Identificar uma solução de segurança de dados apropriada
    • Identificar requisitos de segurança para dados em repouso; identificar requisitos de segurança usando os serviços do Azure, incluindo Criptografia de Armazenamento do Azure, Criptografia de Disco do Azure e TDE do banco de dados SQL do Azure
  • Criar uma estratégia de controle de acesso baseado em função (RBAC)
    • Proteger escopos de recurso, como a capacidade de criar VMs e Azure Web Apps; implementar funções padrão do RBAC; projetar personalização de RBAC do Azure
  • Gerenciar riscos de segurança usando uma solução de segurança adequada
    • Identificar, avaliar e mitigar riscos de segurança usando o Azure Security Center, Operations Management Suite e outros serviços
Criar armazenamento e estratégia de acesso aos dados do aplicativo (5–10%)
  • Projetar armazenamento de dados
    • Criar opções de armazenamento para dados, incluindo Armazenamento de Tabela, Banco de Dados SQL, DocumentDB, Blob Storage, MongoDB e MySQL; opções de segurança de design para banco de dados SQL ou Azure Storage
  • Selecionar a opção de armazenamento apropriada
    • Selecionar o armazenamento adequado para desempenho, identificar opções de armazenamento para serviços de Nuvem e cenários híbridos com computação no local e armazenamento no Azure
Projetar aplicativos avançados (20-25%)
  • Criar aplicativos de computação intensiva
    • Criar HPC (Computação de Alto Desempenho) e outros aplicativos de computação intensiva usando Serviços do Azure
  • Criar aplicativos de execução longa
    • Implementar Lote do Azure para processamento escalável, projetar componentes sem estado para acomodar escala, usar o Azure Scheduler
  • Integrar os serviços do Azure em uma solução
    • Projetar a arquitetura do Azure usando serviços do Azure, como Azure AD, Serviço de Aplicativo do Azure, Gerenciamento de API, Cache do Azure, Barramento de Serviço, Hubs de Evento, Análise de Transmissão e Hub de IoT; identificar o uso adequado do Azure Machine Learning, Big Data, Azure Media Services e Serviços Azure Search
  • Implementar aplicativos de mensagens
    • Usar um padrão centrado em fila para desenvolvimento; selecionar tecnologia adequada, como filas de armazenamento do Azure, filas de barramento de serviço do Azure, tópicos, assinaturas e Hubs de Eventos do Azure
  • Implementar aplicativos e processamento em segundo plano
    • Implementar Lotes do Azure para tarefas de computação intensiva, usar Azure WebJobs para implementar tarefas em segundo plano, usar Funções do Azure para implementar ações orientadas a eventos, aproveitar o Azure Scheduler para executar processos em intervalos de tempo pré-definidos/recorrentes
  • Projetar conectividade para aplicativos híbridos
    • Conectar dados no local de aplicativos do Azure usando os recursos Retransmissão do Barramento de Serviço, Conexões Híbridas ou a funcionalidade de rede privada virtual (VPN) do Azure Web App; identificar as limitações para conectividade com a VPN, identificar opções para unir VMs a domínios ou serviços de nuvem
Projetar Aplicativos da Web e Móveis do Azure (5–10%)
  • Projetar aplicativos da Web
    • Projetar Aplicativos da Web do Serviço de Aplicativo, projetar API da Web personalizada, descarregar aplicativos de longa duração usando WebJobs, proteger API da Web usando o Azure AD, projetar Aplicativos da Web para escalabilidade e desempenho, implantar Azure Web Apps para diversas regiões para alta disponibilidade, implantar Aplicativos da Web, criar planos de Serviço de Aplicativo, projetar Aplicativos da Web para continuidade dos negócios, configurar padrões de replicação de dados, atualizar Azure Web Apps com tempo mínimo de inatividade, fazer backup e restaurar dados, projetar para recuperação de desastres
  • Projetar aplicativos móveis
    • Projetar Serviços Móveis do Azure; consumir Aplicativos Móveis de clientes de plataforma cruzada; integrar funcionalidades de sincronização offline em um aplicativo; estender Aplicativos Móveis usando código personalizado; implementar Aplicativos Móveis usando o Azure AD; implementar serviços de notificação de push em Aplicativos Móveis; enviar notificações de push a todos os assinantes, assinantes específicos ou um segmento de assinantes
Criar gerenciamento, monitoramento e estratégia de continuidade dos negócios (20–25%)
  • Projetar uma estratégia de monitoramento
    • Identificar os produtos e serviços da Microsoft para monitorar as soluções do Azure; aproveitar as funcionalidades do Azure Operations Management Suite e Azure Application Insights para monitorar as soluções do Azure; aproveitar funcionalidades internas do Azure; identificar ferramentas de monitoramento de terceiros, incluindo código aberto; descrever constructos de arquitetura do Azure, como conjuntos de disponibilidade e domínios de atualização, e como eles causam impacto em uma estratégia de aplicação de patch; analisar logs usando o Azure Operations Management Suite
  • Descrever recursos BC/DR (Recuperação de Desastres/Continuidade de Negócios) do Azure
    • Aproveitar os recursos arquitetônicos de BC/DR, descrever réplica de Hyper-V e ASR (Azure Site Recovery), descrever casos de uso de réplica do Hyper-V e ASR
  • Criar uma estratégia de recuperação de desastre
    • Projetar e implantar Backup do Azure e outras soluções de backup da Microsoft para o Azure, aproveitar casos de uso quando o StorSimple e Microsoft System Center Data Protection Manager forem apropriados, criar e implantar a recuperação de sites do Azure
  • Criar automação do Azure fluxos de trabalho do PowerShell
    • Criar um script de PowerShell específico para o Azure, automatizar tarefas usando o Azure Operations Management Suite
  • Descrever casos de uso para configuração de Automação do Azure
    • Avaliar quando a Automação do Azure, Chef, Puppet, PowerShell ou DSC (Configuração do Estado Desejado)
Arquitetar uma infraestrutura de computação do Azure (10–15%)
  • Projetar Máquinas Virtuais (VMs) ARM
    • Projetar implantações de VM aproveitando conjuntos de disponibilidade, falhas de domínio e atualizar domínios no Azure; selecionar SKUs de VM adequados
  • Projetar implantação de modelo de ARM
    • Criar modelos de ARM; implantar modelos de ARM pelo portal, PowerShell e CL
  • Projetar para disponibilidade
    • Implementar disponibilidade regional e alta disponibilidade para implantações do Azure

Opções de preparação

Treinamento online
Treinamento ministrado por instrutor
Exemplo de vídeo de preparação

Preparando-se para um exame 70-534? Watch the online prep session.

Teste prático
  • Take a Microsoft Official Practice Test for Exam 534
  • Em vigor a partir de abril de 2017, com o tempo, os testes de prática estarão disponíveis em diversos idiomas, incluindo espanhol, chinês (simplificado), chinês (tradicional), francês, alemão, japonês, português (Brasil) e russo. Para ver quando um idioma específico é oferecido para este teste de prática, por favor, consulte novamente.

Quem deve fazer este exame?

Este exame é para candidatos que estão interessados em validar suas habilidades de design de solução do Microsoft Azure. Os candidatos devem conhecer os recursos e as capacidades dos serviços Azure para serem capazes de identificar vantagens e desvantagens e tomar decisões para o design de soluções de nuvem pública e híbrida. Os candidatos que fazem este exame devem poder definir as soluções adequadas de infraestrutura e de plataforma para atender às exigências funcionais, operacionais e de implementação necessárias durante o ciclo de vida da solução.

Exam 70-532: Desenvolvendo soluções do Microsoft Azure e Exam 70-533: Implementando Soluções de Infraestrutura Microsoft Azure é útil para candidatos que querem validar sua experiência de implementação em projetos de nuvem, mas não são pré-requisitos para este exame.

Mais informações sobre exames

Preparação para um exame

Recomendamos que você leia todo este guia de preparação para o exame e familiarize-se com os recursos deste site antes de agendar o seu exame. Consulte a Microsoft Certification exam overview para obter informações sobre registro, vídeos de formatos típicos de pergunta do exame e outros recursos de preparação. Para obter informações sobre políticas e pontuação do exame, consulte as Microsoft Certification exam policies and FAQs.

Observação

Este guia de preparação está sujeito a alterações a qualquer momento sem aviso prévio e a critério exclusivo da Microsoft. Os exames Microsoft podem incluir tecnologia de testes de adaptação e itens de simulação. A Microsoft não identifica o formato em que os exames são apresentados. Utilize este guia de preparação para se preparar para o exame, independentemente do seu formato. Para ajudá-lo a preparar-se para este exame, a Microsoft recomenda que você tenha experiência prática com o produto e use os recursos de treinamento especificados. Estes recursos de treinamento não necessariamente abrangem todos os tópicos listados na seção "Habilidades avaliadas".