O Microsoft Office 365 agora está disponível em novos datacenters na nuvem na África do Sul

Conforme a Microsoft busca dar suporte à transformação digital de organizações e empresas de todo o mundo, continuamos a promover a inovação e expandir para novas regiões a fim de capacitar mais clientes com o Office 365, a solução líder global em produtividade baseada na nuvem, com mais de 180 milhões de usuários comerciais ativos todos os meses. Hoje, estamos dando mais um passo em nosso investimento contínuo para ajudar a promover a transformação digital e o impacto social na África, com a disponibilização geral dos serviços do Office 365 de nossos novos datacenters na nuvem na África do Sul.

O Office 365, fornecido a partir de datacenters locais na África do Sul, ajuda nossos clientes a criar um ambiente de trabalho moderno e a capacitar os funcionários com colaboração em tempo real e inteligência baseada na nuvem, mantendo a segurança, a conformidade e a residência de dados dos clientes. A adição da África do Sul como uma nova região geográfica do Office 365 aumenta as opções de serviços seguros de produtividade na nuvem combinados à residência de dados de clientes em 16 regiões de todo o mundo, juntamente com três regiões adicionais também anunciadas.

A residência dos principais dados de clientes no país ajuda os clientes do Office 365 a atender a requisitos regulatórios, o que é particularmente importante e relevante em setores como o de saúde, serviços financeiros e agências governamentais, onde as organizações precisam manter determinados dados no país para atender a requisitos locais. A residência de dados dos clientes fornece garantias adicionais em relação à privacidade e à confiabilidade de dados para organizações e empresas. Os principais dados dos clientes são armazenados apenas na área geográfica (Geo) de um datacenter, neste caso, os datacenters na nuvem na África do Sul.

Clientes como a Altron e o Governo da Província de Gauteng usaram o Office 365 para transformar seus locais de trabalho. Os recentes desenvolvimentos permitirão que eles, bem como outras organizações e empresas que estão adotando o Office 365, alavanquem a jornada de transformação digital deles.

“A Altron assumiu o compromisso de aprimorar nossa infraestrutura e está adotando a estratégia de se tornar uma empresa que prioriza a nuvem para melhor atender aos clientes e capacitar nossos funcionários por meio da colaboração moderna. Observamos uma diferença tangível desde que migramos para o Office 365.”
—Debra Marais, Líder de Serviços Compartilhados de TI da Altron

“O Office 365 está promovendo nossa jornada de modernização de serviços e da infraestrutura de TIC (Tarefa de Configuração Inicial) governamental, permitindo-nos desenvolver soluções pioneiras a custos gerenciáveis e criar melhorias gerais no gerenciamento operacional, além de aumentar a transparência e a responsabilidade.”
—David Kramer, Diretor Geral de TIC do Governo da Província de Gauteng

A Microsoft se tornou recentemente o primeiro provedor global a oferecer serviços de nuvem do continente africano com a abertura de nossas novas regiões de datacenters na nuvem. O Office 365 se junta ao Azure para expandir o serviço de nuvem inteligente disponível na África. A previsão é que o Dynamics 365 e o Power Platform, a próxima geração de aplicativos inteligentes para empresas, estejam disponíveis no quarto trimestre de 2019.

Com o fornecimento da ampla nuvem da Microsoft, que inclui o Azure, o Office 365 e o Dynamics 365, por datacenters em determinada região geográfica, oferecemos serviços na nuvem escalonáveis, disponíveis e resilientes para empresas e organizações, atendendo também às necessidades de conformidade, segurança e residência de dados dos clientes. Temos bastante experiência na proteção de dados e na capacitação de clientes em todo o mundo para atender aos mais variados requisitos de segurança e privacidade, incluindo a oferta do maior conjunto de certificações de conformidade e atestados do setor.

As novas regiões de nuvem na África do Sul estão conectadas a outras regiões da Microsoft por meio de nossa rede global, uma das maiores e mais inovadoras do planeta, que engloba mais de 161.000 km (100.000 milhas) de sistemas de fibras terrestres e de cabos subaquáticos para fornecer serviços aos clientes. A Microsoft está aproximando a nuvem global das organizações e dos cidadãos africanos por meio de nossas rotas trans-árabes entre a Índia e a Europa, bem como por nossos sistemas transatlânticos, incluindo o Marea, o cabo com maior capacidade a cruzar o Atlântico.

Assumimos o compromisso de acelerar a transformação digital no continente por meio de diversas iniciativas e também anunciamos recentemente o primeiro ADC (Centro de Desenvolvimento na África) da Microsoft, com duas unidades iniciais em Nairóbi, no Quênia e em Lagos, na Nigéria. O ADC servirá como um centro principal de engenharia para a Microsoft, onde talentos africanos de alto nível poderão criar soluções para causar um impacto local e global. Com nossas novas regiões de datacenters baseados na nuvem, o ADC e programas como 4Afrika, acreditamos que a África está pronta para se desenvolver localmente e para causar um impacto global inédito.

Saiba mais sobre o Office 365 e a Microsoft no Oriente Médio e África.

Observe que o conteúdo presente nas postagens do blog descreve características e funcionalidades que podem variar de acordo com o mercado. Para ver todos os detalhes sobre ofertas de produtos específicos para o seu mercado, acesse Microsoft 365, Office 365, Windows 10 ou Enterprise Mobility + Security.
O conteúdo dos links dessas postagens pode não estar disponível em seu idioma local.