Como aumentar o engajamento no trabalho em equipe

Normalmente pensamos que o gerenciamento do trabalho em equipe, especialmente a motivação de equipe é apenas uma preocupação para grandes empresas. No entanto, isso não é verdade para empreendedores e pequenos negócios. Gerenciar times menores pode ser tão desafiador quanto motivar grandes equipes. Mas é possível engajar as pessoas para que produzam mais e melhor em grupo.

Neste texto apresentaremos algumas dinâmicas de motivação de equipe de vendas a partir da resposta de três perguntas: “Como motivar minha equipe de vendas?”;  “Qual a melhor técnica para engajar a equipe?” e “Como desenvolver equipes de alta performance?”. Desta forma, mostraremos que é possível aplicar as técnicas de gestão estratégica de pessoas ao contexto das pequenas empresas e possibilitar uma maior chance de sucesso ao pequeno negócio.

Como motivar minha equipe de vendas?

Não. Você não precisa ser o Michael Scott, da famosa série de televisão The Office, para motivar a sua equipe de vendas. Há algumas dicas básicas que o empreendedor pode seguir em sua pequena empresa pensando no engajamento de seus vendedores para alcançar números substanciais de vendas, de alcance de possíveis clientes e de taxa de concretização de negócios.

Vamos a elas:

  • Ambiente de trabalho: em qualquer empresa, um ambiente de trabalho que esteja de acordo com as funções a serem executadas é essencial. Assim, não se deve pensar apenas na organização física do lugar (limpeza, organização espacial, mobiliários), mas também nas funcionalidades de espaço. Para criar um ambiente mais agradável, há empresas que criam espaços de convivência e, até mesmo, de “descompressão”. A ideia de uma sala de “descompressão”, ou seja, onde o vendedor pode tirar uma pausa ou fazer uma atividade diferente entre vendas, pode ser um diferencial.
  • Horário de trabalho: um pequeno empreendedor precisa avaliar qual é a melhor demanda de horário para sua equipe de vendas e, até mesmo, se há a necessidade da presença física deles no escritório. O home office, com os processos de digitalização, videoconferências e armazenamento em nuvem dos negócios, é uma realidade cada vez mais acessível para pequenas empresas e ainda pode ser um grande fator de motivação.
  • Feedback: sempre, sempre, sempre dê feedback a seus vendedores. Faça isso de maneira regular e de maneira ponderada, reconhecendo acertos e sugerindo soluções a erros ou problemas que aparecem. O feedback não é só uma estratégia motivacional para sua equipe de vendas, mas também uma forma de refinar todo o processo em sua empresa.

Qual a melhor técnica para engajar a equipe?

Outra pergunta que pequenos empreendedores sempre se fazem é qual seria a melhor técnica para engajar a sua equipe de vendas. Muitas vezes, em um contexto de um pequeno negócio, os resultados precisam ser mais rápidos do que em uma grande empresa, com isso não há muito espaço para ficar testando técnicas motivacionais. Abaixo, elencamos três técnicas que, cada vez mais, se comprovam um tanto quanto úteis para uma gestão estratégica de pessoal de vendas:

  • Benefícios: quando falamos em benefícios, especialmente para vendedores, têm pessoas que já escutam a palavra “comissão”. No entanto, não é apenas benefícios financeiros que dão certo para engajar uma equipe de vendas. Conhecer as necessidades de seus vendedores pode dar ideias de quais benefícios eles desejam em seu dia a dia e após cumprir metas.
  • Gamificação: uma das técnicas em alta atualmente é a gamificação. Ela consiste em usar lógicas de jogo para promover ações e comportamentos e, assim, gerar engajamento. Exemplo disso é realizar técnicas lúdicas simples para vendas (“bingo de metas”, “gincana de vendas”) Só tome cuidado para não criar regras onde há apenas um vencedor. A ideia de “vendedor do mês” pode promover mais a individualidade do que a equipe como um todo.
  • Exemplos: muitas vezes uma equipe de vendas possui uma assimetria entre seus componentes. Jovens em seus primeiros anos de carreira, mas ligados com o que ocorre com o mercado e vendedores muito experientes, porém desantenados com as novas tendências. Assim, a troca regular de experiências através de reuniões onde são mencionados exemplos passados – seja da equipe ou de terceiros que são convidados para isso – é uma boa maneira de inspirar a equipe.

Como desenvolver equipes de alta performance?

Em um contexto de mercado cada vez mais competitivo, outra preocupação com a equipe de vendas é que ela tenha alta performance, ou seja, bons índices de negócios realizados, clientes em potencial, bem como de alcance de fatia de mercado no qual o empreendimento é inserido. No entanto, o empreendedor pode se questionar como, além de motivar, desenvolver equipes de vendas com alta performance. Assim, temos três dicas cruciais para isso:

  • Treinamento: o constante aprimoramento através da educação é uma realidade para o vendedor competitivo. Não basta apenas conhecer, precisa ir além. Assim, incentivar e organizar palestras, workshops, cursos EAD e até mesmo masterclasses de vendas é um diferencial. Tal como qualquer equipe, é necessário treinar para ir bem em seu jogo.
  • Metas inteligentes: a palavra smart significa inteligente, mas também é uma sigla de uma importante técnica. Criar metas inteligentes seguindo o padrão S.M.A.R.T. (Specific, Measurable, Attainable, Relevant, Time-based) significa criar metas que sejam específicas, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporalmente definidas. Criando metas assim, você garante bons índices e foco no que seu negócio realmente precisa.
  • Recompensas: já falamos de benefícios e de gamificação anteriormente, mas é importante reforçar: toda equipe que é campeã deseja o seu troféu. Quer uma equipe de alta performance? Dê algo que seus vendedores desejam após cumprirem as metas.

No fim, talvez aqui possamos ficar com uma sabedoria vinda de Michael Scott, personagem da série The Office: “O sucesso de trabalhar com vendas é trabalhar com uma equipe de amigos”. E que as dicas deste texto ajudem você, empreendedor, a criar em seu negócio uma amizade que significa proporcionar um ambiente de trabalho proativo, harmonioso, agradável e que gere mais negócios e bom desempenho a todos. 

Introdução ao Microsoft 365

É o Office que você já conhece, com as ferramentas para trabalhar melhor em equipe e produzir mais, a qualquer momento e em praticamente qualquer lugar.

Compre agora
Conteúdo relacionado
Dicas de Negócios

Cinco razões para consolidar seus aplicativos na nuvem

Leia mais
Expandir meus negócios

Por que é tão importante fazer a análise SWOT

Leia mais
Expandir meus negócios

Os maiores desafios para quem quer empreender no Brasil

Leia mais

As Dicas e Ideias para seu negócio não constituem consultoria tributária ou financeira profissional. Entre em contato com um profissional financeiro ou tributário para discutir sua situação.