Como uma pequena empresa alcança o sucesso ao nível do marketing com o armazenamento de ficheiros online: Sessão de Perguntas e Respostas com Megan Murray

Megan Murray sabe algumas coisas sobre adotar uma abordagem realista na promoção da marca Oiselle. Como diretora de marketing de uma empresa de vestuário de corrida sediada em Seattle, Murray e a sua equipa sempre quiseram ajudar a sua comunidade, apoiando as mulheres que fazem parte da sua base de clientes. Ao entrevistar atletas em corridas e mostrar cenas dos bastidores da vida de um corredor, a equipa da Oiselle utiliza a agilidade e mobilidade que tem enquanto pequena empresa para capturar essas histórias à medida que acontecem. Assim, expandem também a empresa ao partilhar estas histórias únicas que, de outra forma, não seriam contadas.

Como conseguem fazê-lo? Como planeiam e executam, e como utilizam o armazenamento de ficheiros na nuvem para se manterem ligados e trabalharem a partir de qualquer lugar? Como é que a Oiselle define o sucesso? Com uma vasta experiência em produtividade móvel, e um grande sucesso em implementar estas estratégias, Murray partilhou alguns detalhes sobre como a Oiselle criou o seu processo com base num conjunto de ferramentas para se manter à frente da competição.

P: Em que tipos de eventos participam para obter oportunidades de marketing em tempo real?

R: “Fazemos muitas entrevistas a mulheres na nossa comunidade, atletas profissionais e mulheres que lideram o setor cultural. Estamos em pequenas e grandes corridas, quer seja uma corrida local de 5 quilómetros ou a Maratona Internacional da Califórnia, estamos lá para garantir que conseguimos ver a nossa comunidade e contar histórias no terreno.”

P: Quantos colaboradores têm nestes eventos?

R: “Normalmente, temos uma pessoa, por vezes duas. Uma pode recolher os tempos de corrida ou o tipo de iluminação e o que as pessoas estão a dizer, enquanto a outra está a trabalhar com o equipamento de vídeo ou câmara para contar a parte visual da história. Evitamos tirar fotografias artificiais, preferimos capturar a maneira como um rabo de cavalo se move enquanto alguém corre ou o momento em que o equipamento de corrida de todos está espalhado num relvado.”

P: Que materiais de marketing estão a recolher e como é esse processo?

R: “Recolhemos partes da experiência e garantimos que utilizamos diferentes estilos para contar uma história. Quer sejam momentos rápidos dos bastidores para as histórias do Instagram, momentos fugazes para o nosso feed do Instagram, atualizações para o Facebook e Twitter ou fotojornalismo e narração de histórias para o nosso blogue, todos estes elementos juntam-se para contar a história de um momento no tempo.

Também temos várias vozes diferentes a contar a história. Não é apenas a nossa marca, reunimos representantes ou atletas profissionais da nossa comunidade. A magia acontece quando temos mais do que uma pessoa a contar a história, porque assim conseguimos captar experiências diferentes. Também cria um diálogo, que é muito importante para garantir que a nossa comunidade permanece ligada entre si. É uma mistura de pessoas, lugares e coisas, tudo ao mesmo tempo.”

Dê um impulso ao seu negócio com um curso intensivo do Microsoft 365

Capacite a sua equipa para ser produtiva todos os dias com o Microsoft 365 a partir de praticamente qualquer lugar.

Saiba mais

P: Ao incluírem vozes de diferentes atletas, embaixadores e membros da equipa da Oiselle, como conseguem manter a voz da marca?

R: “Somos muito bons a escolher histórias que estão relacionadas com a marca e, além disso, é necessário haver um discurso dentro da história. Podermos dar uma voz a esses pontos de vista diferentes é como criamos uma comunidade de pessoas com mentalidades diferentes que optam por celebrar as mesmas coisas.”

P: Como é o processo depois de capturarem as fotografias e as notas?

R: “Temos uma equipa pronta e a aguardar na nossa sede, por isso é muito importante garantir que temos um sistema organizado e que qualquer pessoa pode aceder ao mesmo. Tudo o que recolhemos do evento é movido imediatamente para um sistema de armazenamento de ficheiros online na nuvem. O nosso escritório é como uma sede da empresa 24 horas por dia, 7 dias por semana durante estes eventos, porque é difícil avaliar a qualidade de uma mensagem social num ambiente exterior no telemóvel. Somos uma empresa de design de vestuário, por isso temos de garantir que a cor das calças é exatamente igual ao que vê no site, não podemos utilizar filtros. Fazemos esses pequenos ajustes no Photoshop e depois esse conteúdo é lançado para o público.

A nossa equipa de marketing é muito boa a ajudar a nossa gestora de redes sociais a executar a sua visão social. Precisamos de muitas pessoas para que as coisas aconteçam e para conseguirmos ser intervenientes oportunos na narração da história.”

P: Que ferramentas digitais são cruciais para o sucesso ao nível do marketing em tempo real?

R: “As notas partilhadas são extremamente importantes. Utilizamo-las para falar com as pessoas enquanto os eventos estão a acontecer. Muitas vezes, é através do e-mail que planeamos e gerimos a empresa, garantindo que comunicamos uns com os outros. Por vezes, temos eventos que exigem que as pessoas vão para o estrangeiro, não podemos utilizar apenas o telefone por causa da diferença de fuso horário.”

P: Como é que o marketing em tempo real está a funcionar na Oiselle?

R: “Temos tantos dados. O que tem sido mais difícil para nós enquanto equipa pequena é compreender a quantidade existente de dados, porque temos poucas pessoas para os processar. Sermos conscientes e determinados em relação ao sucesso em todas as situações – como tudo se traduz em indicadores de desempenho tangíveis e quantificáveis – é muito importante para nós. Podemos começar um trabalho só para marcar uma posição ou para contar uma história que esperamos que seja transmitida de mulher para mulher por todo o mundo. Determinamos o que esperamos ver em termos de interação no Facebook, alcance no Instagram e reações no Twitter. Os dados são um ciclo de feedback muito importante para nós.”

P: Uma empresa maior poderia utilizar a abordagem da Oiselle em relação ao marketing em tempo real?

R: “Sim, se for organizada desde o início. Todo o trabalho em tempo real surge depois de fazermos o trabalho difícil de pensarmos no que estamos a tentar alcançar e por que motivo estamos a participar num evento.

Às vezes estamos à procura de algo, mas acima de tudo temos em mente uma ideia que estamos a tentar incutir, uma voz que queremos garantir que é ouvida ou uma perspetiva que parece mais relevante do que nunca num determinado evento. No entanto, a equipa não pode obter os resultados pretendidos se não conseguir delinear desde o início o que acredita que é necessário.

Também não podemos ir a esses lugares e contar essas histórias se não tivermos uma ideia de como irão ajudar a empresa. A melhor coisa que podemos fazer por esta confiança que temos nas mulheres e no desporto é garantir que a empresa permanece bem-sucedida para podermos continuar a trabalhar e fazer tudo isto. É a melhor forma de promover uma ideia.”

Começar a utilizar o Microsoft 365

É o Office que já conhece com as ferramentas que o ajudam a trabalhar melhor em equipa, para poder ser mais produtivo a qualquer altura e em qualquer lugar.

Comprar Agora
Conteúdos relacionados
Expandir a minha empresa

Como o marketing relacional pode aumentar as vendas e a fidelização dos clientes

Ler mais
Expandir a minha empresa

Como criar uma estratégia de pesquisa paga com um orçamento pequeno

Ler mais
Expandir a minha empresa

Melhore a comunicação no local para expandir a sua empresa

Ler mais
Expandir a minha empresa

Ideias de marketing úteis para pequenas empresas

Ler mais

As Informações e Ideias para Empresas não constituem aconselhamento profissional sobre impostos ou finanças. Deverá contactar o seu profissional de assuntos relacionados com impostos ou finanças para falar sobre a sua situação.